Jornal O Povo Fortaleza

O Jornal O Povo Fortaleza é um jornal brasileiro editado na cidade, o mais antigo em circulação no Estado do Ceará. Pertence ao Grupo de Comunicação O Povo. É o segundo jornal em número de tiragem no Estado, atrás apenas do Diário do Nordeste.

O Povo foi fundado em 7 de janeiro de 1928 pelo jornalista, odontólogo, poeta e político Demócrito Rocha. Seu nome foi escolhido em uma enquete entre o próprio público, realizado no jornal O Ceará, onde Demócrito Rocha trabalhava como redator.

Jornal O Povo Fortaleza

Um ano após a fundação, juntaria-se ao jornal o então estudante de Direito Paulo Sarasate. Inicialmente redator-secretário, o futuro governador do Estado foi o braço-direito de Demócrito Rocha enquanto este esteve vivo. A partir dos final dos anos 1980, o jornal passou a implementar diversas inovações editoriais. Em 1989, publicou uma Carta de Princípios, elaborada por um conselho editorial composto por diretores do jornal e vários membros da sociedade civil, como a escritora Rachel de Queiroz, o jurista Paulo Bonavides e o ex-reitor da Universidade Federal do Ceará Paulo Elpídio de Menezes Neto. Dois anos depois, lança o Código de Ética da Empresa Jornalística O POVO [6]. Em 1993, implementa a função de ombudsman, um profissional que tem como função analisar criticamente o jornal — em 2017, só O Povo e a Folha de S.Paulo mantinham o ofício.

Em 1997, lança o projeto Século XXI, em que adotou, pela primeira vez, um “projeto gráfico-editorial”. Além da reformulação visual, O Povo passou por diversas mudanças conceituais, como o fim da editoria de Polícia, inversões na ordem dos cadernos (Cidades passou a abrir o jornal em vez de Política, por exemplo) e a criação de outras seções. Dentre as metas estipuladas no projeto estavam “ser um jornal reconhecido como principal mediador da sociedade”, “ser um jornal com foco centrado, essencialmente, na vida de Fortaleza”, e “ser o primeiro jornal de referência regional no País até o ano 2000”.



Em 1999, instituiu o seu Conselho de Leitores. Formado por representantes da sociedade civil, o Conselho se reúne mensalmente para avaliar, criticar e sugerir pautas. Em 1997, é fundado O POVO Online, versão digital do jornal. Em 2001, vai ao ar o portal NoOlhar.com, que traz como novidade a produção de conteúdo próprio. Em 2006, o NoOlhar.com é fundido ao O POVO Online. Em 2009, o site foi agregado ao UOL. A parceria com o portal acabou em 2010.

Em 2012, o jornal deixa de circular no Interior do Ceará, sendo comercializado apenas em Fortaleza. Em 2018, o endereço online do jornal estava entre os 500 sites mais acessados do Brasil no Alexa.

Vagas Jornal O Povo Fortaleza – Trabalhe Conosco (empresa grande/particular)

O Jornal O Povo Fortaleza disponibiliza vagas de trabalho durante todo ano. Para se informar sobre os processos seletivos e se candidatar as vagas acompanhe o site da empresa, onde é possível se informar sobre vagas abertas, salários e competências necessárias para se candidatar ao processo.

Horário de Funcionamento Jornal O Povo em Fortaleza

  • Segunda a Sexta: das 08h às 18h

Onde Fica, Endereço e Telefone Jornal O Povo em Fortaleza

  • Av Aguanambi, 282 – José Bonifácio – Fortaleza – CE
  • Telefone: (85) 3255-6002

Outras informações e site

Mapa de localização





Deixe seu comentário